Saiba Quais são as 5 Atitudes Fundamentais para Vencer o Drama do Desemprego

Blog Alta Perfomance

Junte-se àqueles que querem receber conteúdos e estratégias práticas para melhorar a efetividade pessoal!
 

*Eu quero receber os e-mails e informações do blog

BANNER PUBLICITÁRIO preto com os dizeres ESCRITO EM AMARELO: MENTORIA CVMD. Escrito em branco: MÉTODO  PARA VOCÊ ESTAR PREPARADO PARA SEUS MAIORES DESAFIOS. E escrito em preto com fundo amarelo: COM A MENTORIA DE UMA RECORDISTA, VOCÊ SÓ TEM 2 ALTERNATIVAS: 
VENCER OU VENCER.

Milhões de brasileiros vivem o drama cruel do desemprego. A peregrinação dolorida em busca de nova oportunidade de trabalho para conseguir renda que pague as contas e sustente a família, torna-se mais sofrida quando a pessoa não só não encontra uma nova chance, mas constata que seu potencial produtivo está se tornando obsoleto numa velocidade estonteante.

O desemprego é uma tragédia que pode atingir a quase todas as pessoas, mesmo pequenos empreendedores podem ficar sem clientes e terem seu negócio submetido às pressões da concorrência, quase sempre desleal e desumana.

O momento atual na economia brasileira é de dificuldades crescentes, não só pela incapacidade de o setor produtivo absorver a mão de obra disponível, como pela qualidade da oferta dos profissionais, que nem sempre oferece a competência demandada pela nova economia, alicerçada na inovação tecnológica e em novas formas de prestar serviços. Essa realidade hoje expressa o drama de bilhões de pessoas no planeta terra, que não conseguem emprego e não vislumbram saídas dignas para essa tragédia e conseguirem um futuro melhor para si e seus filhos.

Para evitar cair e permanecer na armadilha do desemprego é preciso:

  1. Ter consciência da dificuldade do momento atual, que exige um esforço enorme para aperfeiçoar o relacionamento interpessoal e o processo de comunicação humana. Não é fácil enfrentar dificuldades com bom humor e otimismo. Mas ser resiliente é fundamental. A flexibilização e a capacidade de adaptação são decisivas para superar dificuldades.
  2. É preciso desenvolver a capacidade de planejar a vida sob regime de dificuldades, viver austeramente, cortando custos e priorizando o que de fato é importante. A grande dificuldade é rever custos, eliminar o ocioso, cancelar contratos com tv, celular, net etc. Ficar só com o indispensável e mudar o estilo de vida é decisivo para economizar gastos e se preparar para momentos difíceis, até que a crise passe e as coisas melhorem.
  3. A organização pessoal é um valor indispensável para enfrentar a crise e não cair, nem permanecer na armadilha do desemprego. O início desse processo está no diagnóstico correto das despesas semanais, identificando o que é desperdício e o que é indispensável. A partir desse levantamento é possível organizar os gastos e eliminar desperdício. A disciplina é decisiva para diminuir custos e adaptar a vida a momentos difíceis.
  4. A conscientização de que está havendo mudanças estruturais na economia nos obriga a mudar nossa forma de agir e procurar novas formas de qualificação e adaptação às novas exigências do mercado de trabalho. A qualificação profissional é um imperativo. É preciso analisar o mercado de trabalho, o setor que atua – e acompanhar as mudanças e as necessidades de qualificação, para ser aproveitado assim que oportunidades aparecerem.
  5. Seja solidário, movimente-se, articule-se, torne-se visível, aproveite melhor o tempo. Seja ágil, prospecte oportunidades, otimize seus relacionamentos. Não há possibilidade de ser aproveitado, se não estiver ligado em rede. Essa talvez seja a principal exigência de um mundo globalizado e que funciona em tempo real. Adaptar-se a essa nova realidade é o desafio mais sério, para não cair e ficar na tragédia do desemprego.

 

Confira outros posts do blog alta performance:

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

ATENÇÃO

*Eu quero receber os e-mails e informações do blog