A Qualidade do seu Sono é Fundamental para a Qualidade da sua Performance

Blog Alta Perfomance

Junte-se àqueles que querem receber conteúdos e estratégias práticas para melhorar a efetividade pessoal!
 

*Eu quero receber os e-mails e informações do blog

A imagem é uma publicidade convidando para clicar em um botão. Com os dizeres EXPERIMENTE CLICAR E DESCUBRA AGORA COMO É POSSÍVEL FICAR PREPARADO PARA VENCER SEU MAIOR DESAFIO! E um botão QUERO VER AGORA!

A qualidade do seu sono é fundamental para a qualidade da sua vida. Ela está diretamente relacionada com a sua performance mental, física, emocional, espiritual.

Por essa razão, é obrigatório nessa caminhada rumo à Alta Performance, conectar bons hábitos e recursos para favorecer descansos fortalecedores.

A especialista em Medicina do Sono pela Academia Americana do Sono (Sleep Medicine Board, American Association of Sleep Medicine)do CONAPAPE Luciana Palombini respondeu alguns dos principais questionamentos a respeito desse assunto, inclusive com relação a diminuir a luz a medida que se aproxima o horário de dormir.

Há vários dispositivos (no próprio computador em TELA e BRILHO) que deixa a tela mais amarelada, night shift, para não atrapalhar a produção da melatonina, que precisa da ausência de luz para funcionar bem, e é um hormônio essencial para a qualidade do sono.

 Outra dica de especialistas diz respeito ao tipo de planta para ter no quarto de dormir. Planta? Sim! Ao contrário dos que muitos pensam não é proibido ter planta no quarto, especialmente se for uma ESPADA DE SÃO JORGE.

Essa planta purifica o ar e aumenta os níveis de oxigênio. Provavelmente é a melhor planta para esse ambiente porque absorve o dióxido de carbono e emite oxigênio durante a noite.

Portanto, se você precisa melhorar a qualidade do seu sono e respirar melhor, ela é ideal para você!

Confere as outras dicas para otimizar o seu merecido período de repouso.

 

Juliana (internauta):

“Gostaria de saber como lidar com essa questão da falta de sono no caso de uma rotina mais puxada de trabalho tenho de manter a produtividade ou até aumenta-la. Alguma dica ou conselho? ”

Luciana:

Olá Juliana, a falta de sono tem consequências importantes, físicas e mentais. Prejudica muito memória, concentração, humor e performance física. Quando dormimos pouco, as consequências são inevitáveis, e o certo é tentar organizar e valorizar o tempo de sono.

Dormindo pouco a noite, uma das maneiras de diminuir o cansaço e melhorar a concentração é tirar um cochilo, que deve ser no máximo até às 16h, se não pode prejudicar o sono noturno. Ao cochilar deve-se propiciar o repouso, ficando no escuro e silencio, se necessário usar protetor de ouvido e um tapa-olhos. Durante o dia, se muito cansaço, a exposição à luz também pode ajudar. Você pode também tentar ir para fora e ficar no sol por 20-30 min, isto pode dar um alerta extra.

Michele (internauta):

“Chás que dizem que são calmantes ajudam a melhorar o sono? ”

Luciana:

Existem alguns chás que podem relaxar sim, entre estes, chá de camomila e de maracujá. Apesar de não haver disponíveis estudos bem feitos que comprovem a eficácia destas substancias, existem diversos relatos que demonstram uma melhora. Outra substancia fitoterápica que pode ajudar no sono é a veleriana, que pode ser usada em chás, mas devido ao odor e gosto ruins, geralmente é utilizada em forma de comprimidos. 

Dilma(internauta):

“Gostaria de saber se uma pessoa só dorme com remédio há 20 anos tem como reverter essa situação? ”

Luciana:

Uma pessoa que usa medicação para dormir há 20 anos pode fazer a retirada sim. Porém isto deve ser feito de forma gradual e de preferência com acompanhamento médico. A retirada abrupta nunca deve ser feita. O acompanhamento médico com profissional especialista em sono irá dar dicas para mudanças comportamentais e às vezes uso de outras substancias para ajudar neste processo. Mas se a pessoa estiver disposta a estas mudanças, ela com certeza poderá parar com estas medicações, que podem levar a diferentes efeitos colaterais, tais como, prejuízo da memória. 

Walter(internauta):

“A senhora poderia falar um pouco mais sobre essa luz azul dos equipamentos eletrônicos e suas consequências, principalmente nas crianças de 9 a 15 anos, em relação a sua formação, estudos e atividades físicas? Desde já agradeço. ”

Luciana:

A luz azul dos equipamentos eletrônicos tem sim um efeito importante no ciclo do sono. Existem receptores nos olhos que estimulam diretamente nosso relógio biológico e com isto prejudicam o sono. Existem hoje alguns aplicativos disponíveis de celulares e tablets que podem mudar o tipo de luz após determinada hora para diminuir este problema. Em crianças de 9 a 15 existe sim atualmente uma preocupação importante no uso excessivo destes eletrônicos principalmente à noite. Na adolescência existe uma maior necessidade 

Ulians(internauta):

“O sono ajuda na recuperação muscular de um atleta e porquê? A ansiedade tem influência no sono? Obrigado. ”

Luciana:

O sono tem sim efeito direto na recuperação muscular, pois durante o sono é quando ocorre maior liberação do hormônio do crescimento, o qual é muito importante para recuperação dos tecidos. A ansiedade influencia muito o sono e prejudica o sono. Porém, vale a pena lembrar que um certo grau de ansiedade é normal na vida, e é necessário. O importante é o que fazemos para equilibrar esta ansiedade.  Exercício regular e sono adequado, por exemplo, são fundamentais para equilíbrio da ansiedade. Pessoas muito ansiosas também podem fazer outras atividades que melhoram, por exemplo, a meditação traz benefícios importantes para ansiedade e insônia. Muitas vezes é indicado técnicas comportamentais também para ansiedade, entre estas, terapia cognitiva comportamental, feita por psicólogas treinadas que podem ajudar bastante. 

Marcos David(internauta):

“Muitas vezes eu consigo render mais pela madrugada, principalmente por causa do silêncio. Consequentemente, acordo mais tarde. Mas acho que no fundo no fundo, eu rendo menos pela manhã. O que aconselha? ”

Luciana:

Existem pessoas que rendem mais a noite, e outras pela manhã. É uma questão de relógio biológico. O silencio também é importante. Se você é mais matutino, ou seja, tem maior disposição pela manhã. O melhor é exigir a concentração maior pela manhã, se você é vespertino (sente maior alerta no fim de dia e noite) o melhor é concentrar a noite. Então, se você acha que rende menos de manhã, e pode acordar mais tarde. Talvez seja melhor concentrar a noite.

Mas mesmo sendo mais vespertino, a pessoa pode melhorar o rendimento pela manhã. Pode melhorar com: exposição a luz pela manhã (30 min sol), regularizando o horário de acordar todos os dias, e diminuindo o estimulo a noite. Com isto, aos poucos, o relógio biológico vai mudando e o cérebro vai aprendendo a acordar mais cedo.

Jose Carlos da Silva(internauta):

“O que causa apneia do sono? ”

Luciana:

A apneia do sono é causada por fatores genéticos e ambientais. Existe um maior risco se os pais têm apneia do sono, pois aspectos anatômicos do rosto e da estrutura óssea de maxila e mandíbula podem ser herdados da família desde cedo. Em pessoas com maior risco familiar, alguns aspectos ambientais aumentam o risco, tais como, problemas nasais, aumento da idade e de peso. Então é típico em quem ronca desde cedo, mas com idade e aumento e peso o ronco aumenta e com isto começam as paradas respiratórias durante o sono (apneias).

Luciana Palombini é graduada em Medicina pela Fundação Faculdade de Ciências Medicas de Porto Alegre, possui doutorado em ciências médicas pela Universidade Federal de São Paulo, além de Fellowship na Clínica de Distúrbios de Sono da Universidade de Stanford. Atualmente ela é Médica no Instituto do Sono de São Paulo.

qualidade do seu sono

Confira outros posts do blog alta performance:

qualidade do seu sono é qualidade da sua saúde! qualidade do seu sono é qualidade do seu humor. qualidade do seu sono é essencial para sua performance.

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

ATENÇÃO

*Eu quero receber os e-mails e informações do blog