Como conseguir o que se deseja em uma Negociação

Blog Alta Perfomance

Junte-se àqueles que querem receber conteúdos e estratégias práticas para melhorar a efetividade pessoal!
 

*Eu quero receber os e-mails e informações do blog

A imagem é uma publicidade convidando para clicar em um botão. Com os dizeres EXPERIMENTE CLICAR E DESCUBRA AGORA COMO É POSSÍVEL FICAR PREPARADO PARA VENCER SEU MAIOR DESAFIO! E um botão QUERO VER AGORA!

Conseguir o que se deseja em uma negociação requer vencer obstáculos, melindres e, sobretudo, as próprias idiossincrasias.

Primeiramente, para não pecar pela fé ingênua é de se destacar que em toda negociação há um objetivo a se perseguir, algumas cedências e não poucas manobras.

De certo, podemos afirmar que diariamente somos jogados em negociações de toda ordem.

Segundo costumamos dizer, negociamos com o cônjuge, com o colega, com o chefe, com o síndico, com o padeiro, embora por vezes não consigamos empregar com êxito os recursos para conseguir o que desejamos.

Para ser bem sucedido em uma negociação é preciso ser bom jogador.

Aliás, por oportuno, um parágrafo para este momento de ardor político, no qual tais e quais ideias devem ocupar o debate político com especial observância da ciência e dos fatos.

Sem nos iludirmos na crença de que é possível um mundo sem ideologias, afinal “um mundo sem ideologias é o mesmo que um mundo sem políticas” .

Dito isso, confesso que entrarei agora na cartilha de condutas que tanto apreço encontra nas almas ansiosas por mapas e atalhos tranquilizadoras do espírito.

O 1º Passo para vencer em uma Negociação

O primeiro passo para conquistar o que se deseja na negociação é conhecer a si mesmo.

Isto é conhecer as próprias necessidades e ouvir-se com autocompaixão.

Afinal, temos desafios internos, que precisam ser ouvidos com empatia, acolhimento e perdão.

Sem se martirizar, tampouco se culpar.

Em outras palavras, somos seres em construção, ouvir-se empaticamente significa mais que ser romanesco, mas entender que há pensamentos severos, bem como há os virtuosos.

Cabe a cada capítulo da nossa própria história reforçar aqueles que queremos ver florescer, e sermos por eles florescidos.

Nestas escolhas, devemos ser coerentes com o ser humano que queremos ser.

Sem dar eco às derrotas para que não se solidifiquem, prendam a própria alma, tornando-a amarga e infeliz.

Se o julgamento é um ato que nos assemelha ao divino, nestes casos são mais tormento e obra da carne.

Ao fim e ao cabo, acompanhando os feitos do tempo, quando o amadurecimento e a lucidez amanhecem em nossa consciência, nos damos conta que não precisamos ser perfeitos para sermos amados.

Basta estarmos conscientes e plenos de nossa existência perecível e temporal.

E assim, vivendo o aqui e agora, dando conta do que experimentamos na existência.

 

0 2º Passo para vencer em uma Negociação

Na esteira das atitudes que definem o bom tom e o bom termo em uma negociação, destaca-se a responsabilidade pela própria história.

Em outras palavras, o bom negociador não deve se eximir da responsabilidade pelos próprios interesses, independentemente do que os outros fazem.

Neste sentido, deve-se assumir a responsabilidade pelos erros e acertos, ao invés de se deixar levar pela característica dos débeis de sempre culpar os outros pelos conflitos.

 

0 3º Passo para vencer em uma Negociação

Este passo é deveras definitivo, posto que determina não só o desenlace da negociação, quanto a sorte na vida.

Cabe, portanto, ao negociador adotar uma mentalidade de abundância.

De forma que ele jogue na tela da consciência as cores e desenhos pelos quais verá a vida, se submetida às leis da escassez ou adornada pela lei da abundância.

Ou seja, entender que o todo excede a soma das partes.

Por isto, há lugar para todos debaixo do céu, há oportunidades, há riquezas, há qualidades únicas em cada indivíduo que podem ser compartilhadas.

Seguir esses passos garantirá sucesso nas negociações diárias e naquelas que podem ser decisivas, no sentido de mudarem totalmente o rumo da vida.

 

Confira outros tópicos que podem lhe interessar e acompanhe os vídeos no Canal Alta Performance.

Assine o canal alta performance e assista a outras séries e entrevistas sobre alta performance, autoconhecimento e muito mais. Inscreva-se!

Confira outros posts do blog alta performance:

Twitter Facebook Instagram Youtube

Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

ATENÇÃO

*Eu quero receber os e-mails e informações do blog